« voltar a Formação e Eventos

Data
22 setembro 2020 - 25 setembro 2020
Local
Online / live stream

ENQUADRAMENTO

As Alterações Climáticas têm vindo a ser consideradas como uma das maiores ameaças ambientais, sociais e económicas que o planeta e a humanidade enfrentarão nas próximas décadas. A atual conjuntura europeia implica que os mercados e os negócios incluam na sua estratégia as questões relacionadas com a mitigação do aquecimento global.
A Convenção-Quadro das Nações Unidas relativa às Alterações Climáticas (CQNUAC) e as negociações em curso sobre o regime climático têm como objetivo de longo prazo a estabilização das concentrações de gases com efeito de estufa (GEE) na atmosfera a um nível que evite uma interferência antropogénica que colapse ou interfira de forma irreversível o sistema climático. Para atingir esse objetivo, a temperatura global anual média da superfície terrestre não deverá ultrapassar 2 °C em relação aos níveis pré-industriais.  A assinatura do Acordo de Paris veio demonstrar que as economias mundiais estão comprometidas em limitar a temperatura média global a níveis bem abaixo dos 2ºC acima dos níveis pré-industriais e prosseguir esforços para limitar o aumento da temperatura a 1,5ºC, reconhecendo que isso reduzirá significativamente os riscos e impactos das alterações climáticas.
O Comércio Europeu de Licenças de Emissão (CELE)  é, à escala europeia, o principal instrumento de política de mitigação das emissões de gases com efeito de estufa.
A aplicação do regime CELE teve o seu início em 2005, tendo decorrido entre 2005 e 2007 o primeiro período, considerado pela Comissão Europeia como experimental e essencialmente de aprendizagem para o período subsequente: 2008-2012, que coincidiu com o período de cumprimento do Protocolo de Quioto. O ano 2020 é o último do período 2013-2020, estando já em curso as medidas para operacionalização do novo período CELE que decorrerá entre 2021 e 2030, repartido entre 2021 – 2025 e 2025-2030.
Esta formação da COGEN Portugal visa apresentar de um modo teórico-prático o funcionamento do regime CELE, as regras para o período 2021-2030 e os mecanismos de monitorização e reporte associados, bem como o modo de funcionamento do mercado do carbono.

OBJETIVOS

  • Conhecer as principais obrigações em matéria de CELE.
  • Compreender o conteúdo e obrigações relacionadas com os Títulos de Emissão (TEGEE) e com os Planos Metodológicos de Monitorização (PMM).
  • Conhecer o mecanismo de atribuição de licenças gratuitas de emissão.
  • Construir um relatório de emissões anuais (REA) a partir do modelo da APA.
  • Conhecer as obrigações sobre as quais incide a verificação CELE.
  • Conhecer o modo de funcionamento do mercado do carbono.

PROGRAMA

  1. Enquadramento do regime CELE e alterações climáticas.
  2. A atribuição de Licenças Gratuitas de Emissão para o período 2021-2030:
    - NIMs;
    - Planos Metodológicos de Monitorização.
  3. Título de Emissão de Gases com Efeito de Estufa:
    - Análise das obrigações implícitas ao TEGEE;
    - A elaboração do Relatório de Emissões Anual (REA) - caso prático;
    - A verificação CELE.
  4. Mercado do Carbono:
    - Ponto de partida: primeiro semestre de 2020;
    - Contexto atual do mercado de CO2;
    - Prognóstico: onde se dirige o mercado de carbono?;
    - Principais alterações da Fase 4 do esquema CELE;
    - Potencial impacto da Reserva de Estabilidade de Mercado e do Green Deal no preço do carbono.

PÚBLICO-ALVO

  • Profissionais ligados à implementação do regime CELE nas organizações;
  • Consultores e Técnicos de Ambiente;
  • Outros interessados em adquirir conhecimentos no âmbito do regime CELE.

FORMADORAS

Elsa Gameiro
Licenciatura em Engenharia do Ambiente pela Universidade de Aveiro (pré-Bolonha).
Pós Graduação em Sistemas Integrados de Gestão da Qualidade, Ambiente e Segurança pelo ISEP;
Verificadora PCIP;
Consultora de empresas no setor cerâmico, metalomecânico, serviços, calçado, entre outros;
Formadora nas áreas da Qualidade, Ambiente e Segurança nas modalidades inter e intraempresas;
Consultora no âmbito do Programa Formação PME (formação-ação);
Auditora interna certificada no âmbito da Qualidade, Ambiente e Segurança;
Auditora de Sistemas de Gestão da Qualidade, Ambiente e Segurança, pertencente à bolsa de Auditores da APCER;
Auditora no âmbito do Comércio Europeu de Licenças de Emissão (CELE).

Inês Alvim
Licenciada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.
Pós-Graduada em Direito Comercial Internacional pela Faculdade de Direito da Universidad Complutense de Madrid
Com mais de 13 anos de experiência profissional tanto em Portugal como em Espanha em diversas posições jurídicas e financeiras, é desde 2017 Trader para o mercado português de carbono na Vertis.

HORÁRIO

09h00 - 12h00